Formado na Unisanta, Cassio Barco é o mais novo contratado da FIFA e possui trajetória exemplar no jornalismo esportivo

801

“Quando eu estava começando a trabalhar e via alguém falando que tinha 10 anos de empresa, eu achava loucura – Eu nunca vou conseguir isso, é uma vida”. Jornalista, apresentador, streamer, diretor e pai do Marvin são alguns dos títulos que o ex-aluno do curso de jornalismo da Universidade Santa Cecília, Cassio Barco, o mais novo contratado pela FIFA, possui em 17 anos de jornada profissional de excelência e esforço. 

Aos 35 anos, Barco traz uma bagagem que impressiona a muitos, em especial aos fãs de esporte. Ingressou na Unisanta, em 2005, no bacharelado em Comunicação Social em Jornalismo e, já no segundo ano, conseguiu estagiar no Santos Futebol Clube. Ele comenta que foi uma jornada tranquila, mas corrida entre o trabalho e os estudos, pois já tinha um foco em construir sua carreira.

Depois de formado em 2008, continuou mais um ano no Santos e em 2009 foi para a Energy Sports como editor de vídeo. Em 2010 voltou para o clube santista e ficou responsável por criar a Santos TV, sendo um dos pioneiros de canais de clubes de futebol do Brasil no Youtube e reconhecido nacionalmente, o que levou ele em 2011 a ser chamado para a Globo como videorrepórter para o site Globo Esporte. Com dois anos na empresa, virou correspondente internacional em Barcelona, atuando via web e TV, além de fazer links (termo usado pela imprensa televisiva para designar o repórter que entra ao vivo de fora do estúdio) para o Jornal Nacional e Esporte Espetacular.

Foto: Instagram

Quando retornou ao Brasil em 2015, virou repórter para a Globo na TV e em 2017 assumiu o papel de apresentador, participando de programas como Globo Esporte e, na parte esportiva, telejornais Bom Dia São Paulo e Hora 1. Na pandemia, voltou para a produção de conteúdos digitais até abril de 2022, quando entrou em acordo com a Globo e se desligou da empresa para explorar novos ares.

O primeiro projeto foi com a rede de aposta Betfair e o jornalista Tiago Leifert no programa de “Dia de Jogo” que infelizmente não seguiu em frente, mas abriu porta para embarcar no projeto do empresário e ex-jogador Ronaldo “Fenômeno” em seu canal da Twitch “Ronaldo TV”, fazendo lives e produção de conteúdo. 

Como destaque na carreira, tem a última Copa do Mundo no Catar, através da oportunidade da FIFA que estava recrutando criadores de conteúdo ao redor do mundo para cobrir o evento. Nesse ano recebeu a proposta definitiva para chefiar o novo projeto da FIFA Plus. 

“Foi uma experiência incrível, a maior honra que já tive na minha vida. Já tinha trabalhado fora do país e desde a faculdade eu queria conhecer o mundo”, comenta ele. “Estive em mais de 30 países trabalhando e com a FIFA retorno para essas viagens. Estou muito feliz principalmente pela responsabilidade de chefiar uma equipe muito boa e competente no Brasil, além de participar de eventos internacionais”, complementa. 

Cassio tem carimbo dos maiores campeonatos de esporte do mundo, tendo participado também da Copa do Mundo na Rússia, em 2018, e no Brasil, em 2014, pela Globo, finais da Champions League, Olimpíadas, além do Mundial de Clubes e a premiação The Best FIFA Football Awards deste ano.

Agora com essa nova oportunidade na FIFA, ele confessa que está vivendo um sonho para os próximos anos e espera aproveitar ao máximo e tirar o melhor que vai ser desenvolver o FIFA Plus com grandes nomes do ramo, além de possuir uma autonomia maior do seu conteúdo e projetos, sendo a maior relação profissional da sua vida, além de fortalecer ainda mais a carreira impressionante que veio construindo nos últimos anos.