TEP-Unisanta realiza audição para o espetáculo “A menina dos olhos de Indaiá”, no dia 11/2

188

O TEP, Teatro Experimental de Pesquisas, um dos mais longevos grupos de teatro da nossa região, 53 anos ininterruptos dedicados a produções artístico-culturais, convida atores e não atores com vontade de fazer teatro para audição direcionada à montagem do espetáculo A MENINA DOS OLHOS DE INDAIÁ, desenvolvido a partir de contos de autoria da artista Beatriz Rota-Rossi, uma das mais assíduas colaboradoras do grupo.

Beatriz Rota-Rossi, destacada artista plástica na nossa região, ceramista e literata, professora da Unisanta por mais de 35 anos, argentina por nascimento e radicada em Santos desde os anos 70, cedeu ao grupo TEP mais de dez contos por ela escritos para formar o material sobre o qual os trabalhos deverão se debruçar, de maneira a dar corpo e voz ao espetáculo a ser montado, onde se destaca O BAÚ DE CANDOCA, prematuramente musicado pelo permanente parceiro Julinho Bittencourt, colaborador, com suas canções, em vários espetáculos realizados pelo coletivo.

A audição para preenchimento de vagas nesta nova montagem do grupo deverá acontecer no próximo dia 11 de fevereiro, a partir das 10 horas da manhã, na Unisanta, onde o TEP residência sua sede – Rua Oswaldo Cruz, 266, sala D52.

Como pré-requisito, pede-se a disponibilidade para ensaios e apresentações em finais de semana, de maneira a cumprir com as atividades preparatórias para a montagem, e para as apresentações, quando o espetáculo estiver pronto para ser mostrado ao público.

A audição acontecerá de forma aberta para todos os interessados, com formação específica em teatro ou não, acima de 16 anos. Como diria Augusto Boal: “para atores e não atores com vontade de fazer teatro”.

Uma vez que o espetáculo a ser montado deverá abordar vários números musicais, a audição passará por uma aula de música, canto e coral, a cargo da professora Lilian Rocha, que assinou a direção musical do último espetáculo montado pelo grupo – O HOMEM QUE SONHAVA PERNAS PASSOS E CANÇÕES e responderá pela mesma função na atual montagem.

Solicita-se aos interessados a pontualidade no horário de início da atividade do dia 11, assim com estarem vestidos com roupas confortáveis, de maneira a facilitar as atividades físicas que serão desenvolvidas.

Os resultados da audição serão tornados públicos na semana seguinte ao Carnaval, quando os artistas selecionados serão convocados para dar início aos ensaios dedicados à montagem do espetáculo, que acontecerão sempre aos sábados, em horário a ser definido.

Participarão da seletiva, como observadores, os atuais membros do grupo, atores que compõem a companhia, a própria Lilian Rocha, o diretor do espetáculo, Gilson de Melo Barros, e um convidado surpresa, a ser conhecido só no dia do evento.

Por: Gilson de Melo Barros