Presidente da ING Rede Cidadania, ele é responsável pelo I Congresso Brasileiro de Ecofelicidade, que acontece na Unisanta,  de  27 a 29 de novembro.

por Julia Moura, estágio acadêmico

O professor da Universidade Santa Cecilia (Unisanta), Alfredo Cordella, publicou um artigo no espaço Tribuna Livre, do Jornal A Tribuna desta quinta-feira (21/11). O presidente da ONG Rede Cidadania tratou sobre Ecofelicidade dentro das empresas, tema  que será abordado no I Congresso Brasileiro de Ecofelicidade, promovido pela ONG Rede Cidadania,  em parceria com a Unisanta, de 27 a 29 de novembro.

“Com nome difícil de pronunciar, mas com excelentes contribuições no campo da Psicologia Positiva, Mihaly Csikszentmihalyi, em seu livro ‘Gestão Qualificada’, estabelece interessante conexão entre a felicidade e os negócios”, inicia Alfredo. “Nada mais oportuno, quando uma pesquisa da consultoria Gallup, em nível internacional, revela que 85% dos empregados não se sentem engajados no trabalho que realizam  e sequer percebem significado relevante em suas atividades profissionais”.

Ele cita também outro estudo, em 100 países, em que é possível perceber que o nível dos brasileiros em relação à motivação relacionada ao trabalho é abaixo da média. Segundo Cordella, o Movimento Ecofelicidade, dentro da área empresarial, estabelece dois pontos principais para o equilíbrio.

O primeiro é o meio interno das empresas, onde é necessário que exista um equilíbrio em três frentes: o equilíbrio do indivíduo consigo mesmo; em suas relações de trabalho e em sua relação e ações coletivas com o meio ambiente.

O segundo ponto traz a discussão para o meio externo. “As atividades de uma empresa nunca estão isoladas do resto do mundo; há sempre um público especifico buscando a satisfação de necessidades e estabelecendo relacionamento”.

Congresso

Saiba mais sobre o I Congresso Brasileiro de Ecofelicidade, que será realizado na Universidade nos dias 27 a 29 de novembro no site oficial do evento.