Unisanta recebe selo Instituição Socialmente Responsável da ABMES 2021/2022

91

A Universidade Santa Cecília – Unisanta foi novamente certificada pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Entidades de Ensino Superior (ABMES) com o Selo Instituição Socialmente Responsável 2021-2022, o que atesta o comprometimento da Universidade com a busca de soluções que reduzam problemas sociais e ambientais.

De acordo com a ABMES, a Unisanta foi agraciada com o Selo pelo “empenho com a educação e com a sociedade e pela colaboração com o Dia da Responsabilidade Social 2021, promovido pela Associação, em setembro”.

Anualmente, mais dois milhões de atendimentos são realizados pela Universidade Santa Cecília através dos procedimentos gratuitos nas clínicas, escritórios de engenharia e arquitetura, atendimento nas áreas jurídicas, na comunicação, cursos diversos, atividades culturais, entre outros. São mais de 100 mil horas anuais de dedicação de alunos e professores, com trabalhos em prol da comunidade.

Apenas a Clínica de Fisioterapia e a de Odontologia (entre as mais bem equipadas da região, oferecendo inúmeros tratamentos e buscando inovações) somam cerca de 70 mil atendimentos anuais. A Clínica de Fisioterapia, por exemplo, inaugurou em 2019 o 1º Ambulatório para Hemofílicos do Litoral Paulista. Os Projetos Esculpir, Bebê Clínica e Clínica de Pacientes com Necessidades Especiais, realizados pela Clínica de Odontologia, promovem o atendimento preventivo da saúde bucal de adolescentes e crianças de comunidades carentes, crianças e PcD (pessoa com deficiência).

Na área do Direito, o Juizado Especial Cível da Unisanta, o primeiro da região em Instituição de Ensino Superior, realiza cerca de 6 mil atendimentos anuais. É também o primeiro a ser instalado em portos no mundo todo. O Escritório de Assistência Judiciária e a unidade do Procon também fazem parte dos projetos da Unisanta na área jurídica.

Outro projeto que merece destaque é o Escritório Modelo de Arquitetura e Engenharia Civil, que já teve em torno de 31 mil beneficiados. Seu foco é a criação de projetos para entidades beneficentes e comunidades carentes. Alguns dos trabalhos são o Programa de Reabilitação do Uso Residencial na Região Central Histórica de Santos, em convênio com a Prefeitura Municipal de Santos, e recentemente o projeto de reforma do Palácio da Polícia de Santos.

Durante a pandemia – As ações sociais não pararam durante a pandemia por Covid-19. Inaugurado em 13 de abril deste ano, o Ambulatório de Recuperação Pós-Covid-19 da Unisanta está funcionando “a todo vapor”, oferecendo vasto atendimento a pacientes que contraíram o novo coronavírus e já se curaram. O projeto, pioneiro na região em instituições particulares, também envolve alunos das áreas de Fisioterapia, Nutrição, Psicologia e Educação Física da Unisanta, oferecendo a estes uma oportunidade única de pesquisa e aprendizado prático.

Além disso, mais de 3 mil máscaras de proteção de rosto (face shields), por exemplo, foram produzidas no InovFabLab (laboratório de inovação tecnológica e criatividade) da Unisanta e entregues para os hospitais da Baixada Santista – SP. O projeto, intitulado Hope Shields, é realizado em parceria com o Rotary Club de Santos-Porto e Rotary Club Satélite de Santos-Porto.

Entre as instituições beneficiadas pelo projeto estão o Hospital Guilherme Álvaro e a Santa Casa de Santos. Também receberam o equipamento o Hospital dos Estivadores, Hospital de Pequeno Porte da Prefeitura (HPP Central), Hospital de Campanha UPA da Zona Leste, UPA Central, UPA da Zona Noroeste, Crei (São Vicente), Hospital Santo Amaro (Guarujá), além de 33 Policlínicas da cidade de Santos.