Nadadores da Unisanta participam de testes, que visam melhorar o posicionamento em provas

36

Ana Marcela Cunha e Vitor Colonese, nadadores de águas abertas da Unisanta, participaram de um teste, realizado por um pesquisador, sobre o consumo máximo de oxigênio VO2 e o vácuo lateral em provas de maratonas aquáticas, nesta manhã de quarta-feira (19/08).

Segundo o head coach da equipe Unisanta, Márcio Latuf, que acompanhou os testes, eles foram feitos em um formato de 12 tiros de 400m, em que no descanso é medido o consumo máximo de VO2 para saber o esforço que o nadador realiza durante esse percurso.

O outro teste analisa o arrasto do nadador, que é a esteira que um nadador, posicionado na frente de outro, gera lateralmente para o nadador que vem atrás, tentando encontrar uma posição mais econômica para os nadadores.

O teste de consumo máximo de oxigênio também serve para analisar a diferença dos momentos em que o atleta nada livremente e nada no arrasto.