Alunos criam jogos com temas ligados à Baixada Santista

82

Na noite da terça-feira (25), os cursos de Sistemas de Informação e Análise e Desenvolvimento de Sistemas da Unisanta realizaram uma premiação especial como parte da disciplina de Jogos Digitais, ministrada no 1.° semestre pelos professores Mauá e Cláudio Ferreira. A proposta envolvia a criação de um jogo que contasse uma história da Baixada Santista, e o grande vencedor foi o “Bike Santos”, desenvolvido pelos alunos Paulo Lourenço de Souza e Miguel de Almeida.

O jogo “Bike Santos” recriou a orla da praia de Santos, incluindo o característico desenho da mureta e a onda invadindo a orla. A narrativa do jogo envolve um ciclista que aprende sobre a história dos canais de Santos enquanto enfrenta desafios e obstáculos em um percurso que começa no canal 7 e termina no canal 1.

Paulo Lourenço de Souza, um dos criadores do jogo, compartilhou sua experiência: “Sim, nós não fazíamos noção de como era feito um jogo. Aprendi tudo no curso. Surgiu a ideia de fazer um jogo sobre os canais de Santos”.

1º lugar – Paulo Lourenço de Souza e Miguel de Almeida.

O coordenador do curso de Sistemas de Informação da Unisanta, Antonio Carlos Guerra, destacou a importância da gamificação no mercado de trabalho: “A utilização da gamificação como um todo, e para o mercado de trabalho, é um ramo em que muitas vezes o aluno pode se especializar e tem uma demanda bastante grande de profissionais por esse ramo da área de jogos. Então a gente quer estimular isso logo no início do curso”.

O professor Luís Fernando Bueno Mauá explicou o processo de desenvolvimento dos projetos: “Pensamos: por que não a gente desenvolver um projeto um pouco maior conversando com a Baixada Santista? Na Baixada Santista, nós temos inúmeras cidades, inúmeras histórias. Por que não trabalhar a gamificação nessa proposta? Então tivemos aí vários temas diferentes. Foram mais de 50 trabalhos”.

O professor conta ainda que os alunos se dividiram em duplas e foi um sucesso. “Eles apresentaram aí vários temas, falaram um pouquinho sobre o Porto de Santos, falaram um pouquinho sobre a Vila Belmiro, falaram um pouquinho sobre, por exemplo, o Paquetá, falaram um pouquinho sobre os canais de Santos, e a grande dificuldade era contar uma história real através da gamificação”.

O professor Cláudio Ferreira complementou: “Falou-se dos canais, falou-se muito dos santos, da situação, de jogos e tudo. Então tudo isso faz com que o aluno entenda que aquilo que ele está aprendendo aqui tem que servir para o mercado de trabalho, porque o mercado de trabalho está precisando disso”.

O projeto “Bike Santos” não só se destacou pela sua qualidade técnica e narrativa envolvente, mas também despertou um grande interesse entre seus criadores em continuar explorando o campo dos jogos digitais. Paulo Lourenço de Souza refletiu sobre a experiência: “Me despertou um grande interesse de continuar nesta área. O fruto do nosso trabalho me impressionou. A gente chegou nessa premiação de primeiro lugar e não fizemos com essa intenção, nós fizemos com a intenção mesmo de aprender, de entender o jogo e fizemos com muito carinho e esse é o resultado de quem faz as coisas com carinho e aplica o coração naquilo que faz”.

 

2º lugar
3ª lugar