O objetivo do evento, realizado anualmente há 23 anos,  é incentivar projetos de incentivo à leitura em escolas da região. Foram entregues nesta quinta os troféus Proler e Escreler.

O XXIII Encontro Anual do Programa Nacional de Incentivo à Leitura – Núcleo Baixada Santista / Universidade Santa Cecília (Proler-BS/Unisanta) premiou,  nesta quinta-feira (25/9),  os autores dos melhores projetos avaliados nos concursos dos Troféus Proler e Escreler 2019.

Estavam presentes a secretária de Educação de Santos, Cristina Barletta,  o Dirigente Regional de Ensino (DRE) de Santos,  João Bosco Arantes Braga Guimarães  e demais representantes das DREs e Secults da região.

“Eu um mundo cada vez mais conturbado em que nós estamos, em que a gente não está conseguindo resolver todos os problemas mundiais, eu acho que a leitura liberta as pessoas, no sentido mais amplo, que é de dentro para fora. Alguns exercícios de libertação do ser humano ocorrem de fora para dentro e a gente espera sempre que o auxílio para a libertação venha de fora para dentro”, afirmou João Bosco.

Segundo o dirigente da DRE Santos, a leitura faz com que o ser humano vá se emancipando, do interior para o exterior, ou seja, de dentro para fora. Isso é muito importante, porque isso tem a ver com decisão de foro íntimo, com decisão pessoal e a gente sabe que, cada vez mais, vamos precisar de pessoas no mundo que trabalhem as decisões, trabalhem as emancipações de uma forma consciente e não de fora para dentro. Mas de uma maneira em que eu decido o que fazer da minha vida. Isso é libertação, como diz o Paulo Freire”.

João Bosco se referiu aos benefícios trazidos pela posição geográfica de Santos, de frente para o oceano. “Nós estamos localizados em uma região do país próxima do mundo. Se você olhar a sua frente, você tem um oceano a sua frente, ou seja, uma possibilidade infinita de desdobramentos, de viagens, de opções, que outras pessoas não têm aqui dentro do país. Então, estar à frente de um oceano enorme, infinito que nós temos, possibilita isso. É libertação para qualquer parte do mundo. Isso é muito importante e isso começa a partir da leitura, isso começa a partir do conhecimento interno e isso não tem preço”.

Estavam presentes a reitora da Unisanta, Sílvia Teixeira Penteado,  a presidente, Lúcia Maria Teixeira e a coordenadora do Proler /Baixada Santista/Unisanta, Conceição Dante.

TROFÈU PROLER 2019

Entre os 350 projetos inscritos, foram estes os premiados nas categorias SEDUC/DRE, Escola, Professor, Secult/ Comunidade/Ong/Pesquisador e Biblioteca/Sala de Leitura

Categoria SEDUC / DRE

1º Lugar:      DRE Santos –  Projeto: “Cativar: O essencial é invisível aos olhos ”

2º Lugar:     Seduc Praia Grande. Projeto: “Pais presentes, educação eficiente”

Categoria Escola

1º Lugar:   E.E. Júlio Conceição  – Projeto “Direitos Humanos na Escola”.

DRE Santos.

2º Lugar:    UME Gota de Leite-     Projeto: “Tutoria Literária”-     Seduc  Santos.

3º Lugar:     E.M. José Júlio M. Baptista –  Projeto: “Um mar de histórias” –  Seduc Praia Grande.

Categoria Secult

1º Lugar:      Secult Santos –  Projeto   “Leia Santos”.

Categoria Biblioteca/Sala de Leitura

1º Lugar:       E.E. Júlio Conceição  –      Projeto: “Fotonovela: A história contada em quadrinhos”. DRE Santos.

2º Lugar:       UME Dep. Rubens Lara.      Projeto: “Pirlimpimpim! Surgiu um livro!”      Seduc Santos

3º Lugar:       E.M. Presidente Franklin Delano Roosevelt-      Projeto: “Contando, cantando e encantando” –   Seduc Guarujá

Categoria Professor   1º Lugar:      Profª Camila Chiara-      Projeto: “Sussurros Poéticos” –   Seduc Santos

O certificado de honra ao mérito foi entregue  ao prof. Felipe do Vale.

2º Lugar:      Profª Vanúbia Nunes dos Santos

Projeto: “O Diário da revolução: para não perder a cabeça”-    Seduc Praia Grande

3º Lugar:      Profª  Simone Leston da Silva –     Projeto: “ Escola e Família unidas pela Leitura”-     Seduc Itanhaém

TROFÉU ESCRELER

Mauricéia dse Souza Domingos, da E.M. Albert Einstein (Seduc de Praia Grande) venceu o Tróféu Escreler,  criado para estimular os alunos da EJA (Educação de Jovens e Adultos). Em segundo ficou Paula Bianca Fernandes, da mesma escola. Em terceiro, o troféu foi para Dinéia Marques M. Rodrigues, da E.E. Canadá (DRE Santos).

Programa da tarde

O tema da edição deste ano é “Nas redes da leitura”. O evento é aberto ao público e acontece no Auditório do Bloco E da Universidade, em parceria do Proler/BS-UNISANTA com a Fundação Biblioteca Nacional e Casa da Leitura do Rio de Janeiro.

Na parte da tarde, com início às 14 horas, aconteceu a palestra “Ecofelicidade na Alma – como cultivar relações saudáveis”, com o prof. Alfredo Cordella e a coordenação de Luciana de Moraes Oliveira. Após o Coffee Break, às 15h30, ocorreu a palestra “Tecendo tramas: tempo e narrativa nas experiências literárias“, a cargo da psicóloga clínica e doutora em Psicologia pela UTF Rogéria Guimarães Alves Bernardes. A mesa foi  coordenada por Maria Cristina Zinezi.

Programa desta sexta-feira

No dia 25/10, haverá, às 9 horas, a palestra “Reflexões sobre sexualidade e relações de gênero nos contos de fada”, com a psicóloga e mestre em Saúde Coletiva, Aparecida Favoreto e o coordenação de Rosângela de Melo Teixeira de Oliveira.

Às 10h30, será a vez de Nelba Angela Carvalho Linares, professora universitária com especialização em deficiência auditiva, ministrar a “Palestra-Oficina – Libras Linguagem Brasileira de Sinais. O coordenador será João Mário Santa.

Finalizando o XXIII Encontro Anual do Proler, serão promovidos quatro workshops, que terão início às 14 horas:

“Como transformar e solucionar conflitos utilizando a Comunicação Compassiva”, pela psicóloga Aparecida Favoreto e pelo Bacharel em Comunicação Social, Joel Pinto Farias Junior.

“Histórias – várias maneiras de contar”, com a jornalista e contadora de histórias Eliana Greco e com o contador de histórias João Roque da Silva.

“Leitura em voz alta: pra quê?”, com as pedagogas Raquel Vieira Simões e Camila Chiara.

“A Crônica – um relato do cotidiano”, com o professor, poeta e escritor Maurílio Tadeu de Campos.

O Encontro Nacional do Proler tem apoio da Editora Paulus, Multimagem, Café Brasileiro e Rosely Buffet