NA MÍDIA – Encontro para debater transtornos afetivos, na Unisanta, no dia 27/3, é destaque em A Tribuna

172

A psiquiatra Alexandrina Meleiro, coordenadora da Comissão de Estudo e Prevenção do Suicídio da Associação Brasileira de Psiquiatria, fará palestra na Universidade no dia 27/3, às 19h30, aberta ao público. A notícia repercutiu em A Tribuna, nesta terça-feira, 20/3.

A palestra é iniciativa da ABRATA -Associação Brasileira de Familiares, Amigos e Portadores de Transtornos Afetivos, com o objetivo de buscar reduzir o estigma e a discriminação das doenças perante a coletividade

A palestrante falará sobre a importância do diagnóstico diferencial nos pacientes de depressão e bipolaridade. A psiquiatra Alexandrina Meleiro, tem experiência no tratamento de doenças como Depressão, Depressão Pós-Parto, Esquizofrenia e Transtornos com características Psicóticas, e Estresse.

Graduada pela Faculdade de Medicina ABC Fundação (FMABC) em 1979, ela tem em seu currículo o título de especialista em Psiquiatria e doutorado em Medicina pelo Departamento de Psiquiatria da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP). Atualmente, é coordenadora da Comissão de Estudo e Prevenção do Suicídio da Associação Brasileira de Psiquiatria.

ABRATA – Criada em 1999, a ABRATA é uma associação sem fins lucrativos que tem como objetivo a melhoria da qualidade de vida das pessoas com transtorno bipolar e depressão. Atuam de forma estendida, oferecendo serviços de apoio para familiares, amigos e a comunidade em geral.

O evento, aberto ao público, acontece na próxima terça-feira, 27/3, às 19h30, no auditório do 4º andar do Bloco E, da Unisanta. Rua Cesário Mota, 8, no Boqueirão.