Professores de Engenharia da Unisanta conversam com o Jornal A Tribuna sobre dicas que podem evitar o aumento da conta de energia durante o verão

109

Com a chegada do verão, a preocupação da conta de energia elétrica costuma aumentar. Por isso, os professores Alexandre Shozo Onuki e Luiz Augusto Pereira, da faculdade de Engenharia da Universidade Santa Cecília, conversaram com o jornal A Tribuna sobre o que fazer para evitar o aumento extremo da conta de luz.

O professor Alexandre explicou que o ar-condicionado pode ser um “vilão para o bolso”. “Não que ele gaste muita energia, mas porque é utilizado por muito tempo”. Luiz, que também é doutor em Energia Elétrica pela Unisanta, ressaltou que, se for trocar de aparelho, é necessário ficar de olho no selo Procel, que indica a eficiência daquele aparelho.

O secador, ferro, forno elétrico também podem aumentar a conta de luz, segundo Alexandre. “O secador tem mais potência que o ar-condicionado. Um ar de 9mil BTUs tem potência na faixa de 700 watts e um secador, a de mais de 2.000 watts. Mas você não vai utilizá-lo o dia inteiro. Essa é a diferença”.

Outra dica que o professor dá é sobre a borracha da geladeira, para garantir a vedação correta deste eletrodoméstico. “É necessário trocá-la periodicamente”, explicou ele.