Professora da Unisanta conversa com o Jornal A Tribuna sobre as eleições municipais de 2020

39

Docente da Universidade Santa Cecília – Unisanta, a cientista política Clara Versiani conversou com o jornal A Tribuna sobre o novo cenário político em Santos, em matéria que foi destaque na edição deste último domingo (30/08).

“Pela primeira vez em 36 anos, a eleição de Santos não terá candidaturas de prefeitos ou ex-chefes do Executivo. Era uma realidade desde 1984, quando os munícipes voltaram a eleger diretamente seus governantes, após a Cidade ter sido considerada Área de Segurança Nacional pelo governo militar do País”, explicou ao jornal.

A cientista política compartilhou sua opinião, acreditando que a situação política do País é surpreendente. “A ausência de nomes conhecidos corresponde a esse quadro de mudança. Vivemos um desgaste dos partidos e das legendas tradicionais provocado pela Operação Lava Jato”.

Outro ponto tocado por Clara e que pode explicar a falta de nomes conhecidos nesta próxima eleição é a dificuldade econômica que deve vir com 2021 e os reflexos que a pandemia causada pelo coronavírus trará. “Ele pode ter afastado o interesse de alguns nomes em concorrer ao Executivo”.