Unisanta abre Ambulatório de Recuperação Pós-Covid-19, serviço pioneiro em instituições particulares na Baixada Santista

4455

Texto e fotos: Rodrigo Martins/#Santaportal

Os cadastramentos dos pacientes interessados serão retomados a partir do dia 12/4, pelo telefone (13) 3202-7156, das 14h às 17h.

A Universidade Santa Cecília – Unisanta abre, a partir do dia 13/4, o Ambulatório de Recuperação Pós-Covid-19. O espaço é inédito em entidades particulares na Baixada Santista e vai receber pacientes curados do novo coronavírus, que precisem de tratamento fisioterápico respiratório ou motor.

“É um trabalho importante, pioneiro em entidades particulares, visto que a Unisanta já realiza diversos trabalhos sociais na área de Saúde, bem como nas outras áreas de graduação. Estudamos bastante para isso, é um projeto que vem sendo pensado, desde o ano passado, por mim, pelo coordenador da fisioterapia e professores envolvidos. Neste ano decidimos começar esse trabalho, visto que estamos no pico da pandemia, na segunda onda da pandemia, com uma alta bastante significativa de internações e falta de leitos em UTIs, com pacientes precisando desse tipo de trabalho. Aqui na Baixada temos os pacientes que recebem alta hospitalar, que ficaram internados por muito tempo, e os médicos possuem poucos ambulatórios específicos para onde mandar esses pacientes após eles saírem da internação. Para atender a essa demanda, resolvemos abrir o primeiro (em instituições particulares) ambulatório de recuperação na fisioterapia”, explicou a diretora de Saúde da Unisanta, Dra. Caroline Teixeira, em entrevista ao #Santaportal.

Para serem atendidos neste espaço, os pacientes devem contar com o encaminhamento de seus médicos para a fisioterapia. “Vai ser o primeiro (em instituições particulares) específico de fisioterapia para pacientes que saíram de internações. Os pacientes têm que vir com esse encaminhamento de atendimento para recuperação fisioterapêutica para que possamos atendê-los aqui. Vai ser um ambulatório respiratório e motor, onde vamos tratar tanto a sequela respiratória do paciente que estava entubado em hospital, como até mesmo os que estão em casa, que acabaram tendo uma sequela pulmonar. Também vamos atender quem sofreu sequelas motoras, por causa do muito tempo de imobilização no leito. Vamos atender os pacientes nessas duas áreas”, disse Caroline.

A diretora de Saúde da Unisanta informou também que o atendimento fisioterápico será para pacientes de toda a região. “A quantidade de pacientes que vamos receber ainda não sabemos, vai depender da demanda. Com o passar do tempo, vamos ver quantos pacientes a gente consegue atender por vez, seguindo os protocolos sanitários. Mas vamos abrir o atendimento para toda a Baixada Santista. O agendamento deverá ser feito por telefone. Nós vamos realizar uma triagem desse paciente e, depois, ele vai ser atendido na nossa clínica. O atendimento é gratuito, como todos os serviços da universidade. Vamos abrir o espaço para tratamento de todo e qualquer paciente, contanto que tenha encaminhamento médico, seja ele de Santos ou das demais cidades da nossa região metropolitana”, afirmou.

O espaço destinado para o tratamento conta com equipamentos de ponta. “O projeto é 100% nosso. Alguns desses equipamentos foram trazidos em 2019, através de um projeto com o Rotary Club de Santos-Porto e com outros clubes que também estiveram envolvidos em um projeto global. Recebemos nessa parceria R$ 300 mil para implantar aqui novos equipamentos na nossa clínica de fisioterapia. Parte dessa estrutura já foi pensada para um projeto mais à frente, visando atender pacientes com problemas respiratórios. Mas esse ambulatório é um projeto 100% da Unisanta, onde vamos utilizar alguns desses equipamentos que foram trazidos na parceria com o Rotary”, destacou Dra. Caroline Teixeira.

Segundo a diretora de Saúde da Unisanta, a universidade reafirma, desta forma, o seu compromisso de estar ao lado da sociedade da Baixada Santista, em um momento tão grave como o da pandemia do novo coronavírus.

“É um momento difícil que estamos passando. A Unisanta vem realizando não só atividades na Saúde, mas também em outras áreas para o bem da comunidade. Então, hoje temos a excelência atrelada também à parte social, isso é muito importante. Somos referência nas nossas clínicas, hoje também temos atendimentos com farmácia e psicologia, estamos atendendo pessoas do colégio, funcionários da universidade. Agora vamos estender também um ambulatório para receber a população externa, para que possam se consultar aqui, visto que é um momento difícil também na área da psicologia. Muitas pessoas estão procurando psicólogos por causa da pandemia, estão em casa durante todo esse período de quarentena, ficam em depressão. Além da questão da Covid-19, é uma questão geral. As pessoas estão precisando muito da área da Saúde. Então, para mim é muito importante fazer parte disso, escalar mais um grau na história da universidade, junto com a população. Procuramos melhorar cada vez mais, oferecendo serviços que ajudem a quem nos procura”, concluiu Caroline.

Cadastramentos: Mediante a fase emergencial decretada em razão da pandemia da Covid-19, os cadastramentos serão retomados a partir do dia 12/4, pelo telefone (13) 3202-7156, das 14h às 17h. Além de possuir a liberação médica para Fisioterapia, os interessados deverão informar o nome completo, RG, CPF, data de nascimento, endereço, telefone e o diagnóstico (sequelas).

O Ambulatório Pós-Covid-19 da Unisanta vai ficar no 1º. andar do bloco E da universidade. O espaço vai funcionar todas as terças e quintas, das 17h às 19h.