Professora Maria Cristina Gontijo representa a Unisanta em evento anual da Rede Latino-Americana de Juízes

126

Professora e pesquisadora do Núcleo de Estudos Portuários e Marítimos (NEPOMT) da Unisanta, Maria Cristina Gontijo representou a instituição palestrando no evento anual da REDLAJ (Rede Latino-Americana de Juízes), na última segunda-feira (21/12). Intitulado: “Reflexões REDLAJ no final de 2020”, a reunião on-line (feita via Zoom) trouxe vários dos grandes nomes do corpo judiciário da América Latina.

A Rede Latino-Americana de Juízes é uma organização sem fins lucrativos fundada em 2006, que busca reunir juízes latino-americanos visando ao desenvolvimento de mecanismos de cooperação e integração judiciária, além do aprendizado e o fomento à área. A REDLAJ é atualmente presidida pela magistrada e Presidente da Suprema Corte do Peru, Dra. Elvia Barrios, que foi a primeira palestrante do dia, falando sobre o tema: “Desafios do sistema de justiça em tempos de COVID-19”.

Maria Cristina Gontijo foi a segunda palestrante do dia e falou sobre: “Covid e Segurança Sanitária nas Cidades Portuárias”. Ela é advogada, consultora, Mestra em Direito Ambiental, especialista em Direito Processual Civil e Direito Processual Constitucional e professora titular do curso de Administração e da disciplina de Direito Marítimo e Portuário do curso de Direito da Unisanta, além de ser pesquisadora integrante do Núcleo de Estudos Portuários e Marítimos da Unisanta.

NEPOMT – O Núcleo de Estudos Portuários e Marítimos da Unisanta é um grupo de pesquisas constituído por docentes e alunos, que visa à produção científica, com foco em três linhas: as relações entre o porto e a cidade, as relações entre o porto e a zona costeira e o trabalho portuário e marítimo. A coordenação do NEPOMT Unisanta fica a cargo do prof. Adilson Luiz Gonçalves.