Psicologia Unisanta promove lançamento do Projeto “Menos Tela, Mais Vida”, no dia 26/6

276

O curso de Psicologia da Universidade Santa Cecília – Unisanta irá promover, no dia 26 de junho, um evento de lançamento do Projeto “Menos Tela, Mais Vida”, uma proposta para a redução do uso de telas para crianças e adolescentes. A atividade ocorrerá às 19h, no auditório do Bloco E – 4 º andar da Instituição.

Na ocasião, serão apresentadas as justificativas do projeto, com dados de pesquisas e relatos de experiências. Além disso, serão expostas propostas de intervenção e um espaço para discussão e planejamento de atividades futuras.

O encontro pretende agregar instituições de educação, bem como profissionais de saúde, educação, além de pais e cidadãos interessados em promover saúde e qualidade de vida. A atividade é aberta ao público, e os interessados devem confirmar presença através deste link.

A coordenadora de Psicologia da Unisanta, Profa. Dra. Gisela Monteiro, destacou: “Esse projeto é muito importante porque é o reflexo de uma realidade muito dura que a gente está vivendo, de altos índices de transtornos mentais e o comprometimento do desenvolvimento de crianças e adolescentes, com uma série de comprovações cientificas de que o uso de telas tem sua parcela de responsabilidade”.

“Nós, do curso de Psicologia da Universidade Santa Cecília, pretendemos liderar essa discussão, propor isso de uma forma grande, ajudando através do oferecimento do campo de estágios a partir de 2025, e também com professores do curso fazendo palestras para pais, indo às escolas, e mais algumas estratégias que serão propostas, mas que precisamos que sejam um consenso, que sejam aceitas e comprovadas pela sociedade”, finalizou a profissional.

Recentemente a Folha de São Paulo exibiu uma matéria destacando, com dados, que a ansiedade entre crianças e adolescentes superou a de adultos pela primeira vez no país. Outra reportagem mostrou a insatisfação dos pais com o fato de as crianças terem seus próprios celulares antes dos 14 anos. Essa repercussão, na mídia nacional, reforça a importância do projeto idealizado pela coordenadora do curso de Psicologia da Unisanta, Profa. Dra. Gisela Monteiro.