Rossieli Soares e Lúcia Teixeira abrem o segundo dia de debates do 22º FNESP

39

O Sindicato das Entidades de Estabelecimentos de Ensino Superior do Estado de São Paulo (SEMESP) promove, até quinta-feira (29), o 22º Fórum Nacional do Ensino Superior Particular Brasileiro (FNESP), o maior evento sobre ensino superior da América Latina, com mais de mil participantes de vinte estados brasileiros e palestrantes internacionais.

A vice-presidente do SEMESP e presidente da Unisanta, Profa. Dra. Lúcia Teixeira, e o Secretário da Educação do Estado de São Paulo, professor Rossieli Soares da Silva, fizeram a abertura da programação desta quarta-feira (28).

Na oportunidade, a educadora destacou a importância do estímulo na formação acadêmica neste momento em que se vive uma crise sanitária e de lideranças no mundo e a necessidade da formação de professores cada vez mais personalizada, para encorajar as pessoas a pensar por si mesmas.

“Confio na capacidade dos homens e mulheres que construíram a história de um setor que tem permitido a milhões de brasileiros sonhar e construir dias melhores. Nesse trajeto, vem a descoberta de que aprender é um processo tão poderoso que se agiganta nas horas de crise”.

A vice-presidente acrescentou: “Estamos compartilhando conhecimentos, a solidariedade e a responsabilidade de fazer a nossa parte para a grande maioria dos universitários, 80% dos estudantes brasileiros que estudam em instituições particulares, criando espaços na nuvem, na mente e no coração, não importa o tamanho dos nossos apertos e duvidando das antigas certezas e hábitos”.

Lúcia também destacou a participação da Universidade Santa Cecília em mais um importante debate nacional sobre a educação superior. “A Unisanta, com seu pioneirismo, contribui, em mais essa oportunidade, para o debate, em prol da educação e da transformação social na vida de milhares de brasileiros e suas famílias”.

“Com coragem para ter esperança naquilo que nos torna humanos, o que inclui nossa capacidade de imaginar, criar, desenvolver e de nos dedicar ao outro, esteja ele ao seu lado, atrás da tela do computador, ou os milhões atendidos gratuitamente pela nossa instituição”, completou.

Pela primeira vez, o evento acontece de forma virtual, em uma plataforma especialmente criada para recriar a experiência do FNESP presencial. Ao todo, são três dias de palestras, workshops, networking, lançamento de livros, HackLab e muito mais.

Em um cenário delicado causado pela pandemia, que tem mudado as rotinas e os modelos de ensino da educação superior em meio a uma crise econômica, o evento coloca a questão no centro do seu palco virtual e propõe que a educação aperte o botão “reiniciar”, com o tema Reset no Ensino Superior.

“Celebramos a Educação, o Empreendedorismo, a Inovação e as decisões diárias, pessoais e coletivas, que influenciam todas as outras, para transformar esse cenário nacional e mundial”, disse a vice-presidente.

Lúcia concluiu sua fala destacando a coragem para reiniciar, lembrando Fernando Sabino: “De tudo ficam sempre três coisas: a certeza que tudo está sempre começando, a certeza de que é preciso continuar e a certeza que muitas vezes as coisas podem ser interrompidas sem serem terminadas. Mas é preciso fazer de cada interrupção um período novo, de cada queda um passo de dança, do nosso sonho uma ponte e da procura um encontro”.

As inscrições continuam abertas pelo site: https://www.semesp.org.br/fnesp/