Trabalho de Conclusão de Curso de Engenharia Mecânica desperta interesse da Mercedes-Benz

820

Profissionais da empresa visitam a Unisanta nesta quarta-feira (29/5), para conhecer projeto.

Um grupo de ex-alunos de Engenharia Mecânica da Universidade Santa Cecília realizou, em seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), um projeto com o tema “Desenvolvimento de um dispositivo para ensaio de expansão de furo em máquina universal de ensaios mecânicos destrutivos”.  Os formados que participaram são André Santos de Oliveira, Bruno Soares de Miranda, Felipe Cirilo Pereira Alves, Helton da Silva Santos e Pedro Vinicius de Oliveira Barreto. A orientação veio do Professor Willy Ank de Morais.

O estudo, que já foi apresentado em eventos como a ABM Week de 2018 e será mostrado no 25th International Congress of Mechanical Engineeringainda neste ano, despertou o interesse de profissionais da Mercedes-Benz no Brasil, que irão visitar a Universidade Santa Cecília no dia 29 de maio (quarta-feira), às 14h, na Sala D-04. Eles observarão o projeto, participarão de uma demonstração e conversarão com os idealizadores.

Resumo do trabalho

O ensaio de expansão de furo é utilizado para estudar os comportamentos específicos da estampagem de chapas com furos e sua respectiva expansão nas chapas de aços, suas propriedades mecânicas, detalhamento e análise da propagação de trincas e sua conformação. Estudam-se aços que geralmente possuem uma avançada alta resistência mecânica (AHSS -Advanced High Strength Steels) combinada com uma boa conformação.  Um dos objetivos é fazer com que se tenha uma sensibilidade maior em processos de estampagem, como embutimento e flangeamento, possibilitando estudar e analisar o comportamento da sua resistência e ductilidade em específico até a propagação de trincas nas bordas do furo expandido.

O AHSS é desenvolvido para a fabricação de produtos mais finos, de menor massa, que levem segurança, economia e que também tenham impacto ecológico positivo. Neste estudo, foram avaliados aços que precisam ter característica de conformação local. Também simula condições semelhantes à produção de peças, diferentemente dos ensaios de tração. A aplicação da expansão de furo pode ser vista em chapas metálicas usadas comumente em indústrias automotivas.

Para a aplicação e normalização deste ensaio de expansão de furo, deve ser obedecida a norma ISO 16630 (2017). O resultado obtido foi a realização do ensaio na máquina universal de ensaios mecânicos através do desenvolvimento do dispositivo de adaptação, com isso verificaram-se dados mais precisos e estudo de variáveis a fim de minimizá-las.