Acadêmicos e docentes de Arquitetura e Urbanismo apresentarão, em Gonçalves, MG, projeto final de paisagismo realizado para o município

285

A parceria entre a Unisanta e a Prefeitura da cidade começou no início de 2018, com a ida de dez alunos para o local. Na oportunidade, os estudantes puderam analisar as características da área urbana de Gonçalves

Com a coordenação dos professores de Paisagismo do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Santa Cecília (Unisanta), Fabio Bei e Patrícia D’Andrea, alunos dos 6º, 8º e 10º semestres realizaram um projeto de paisagismo da área central da cidade de Gonçalves, em Minas Gerais, no ano passado.

O projeto final será apresentado naquele município no dia 25 de fevereiro, com a presença dos acadêmicos, que irão demonstrar as propostas do projeto paisagístico e a exposição do projeto completo em cinco banners para a população, autoridades, representantes da prefeitura e da Câmara de Vereadores.

As propostas de melhorias para a cidade fazem parte da parceria entre a Unisanta e a Prefeitura de Gonçalves que tem como objetivo levar conhecimento e técnica de ensino superior ao município.

Projeto

O professor Fábio Bei, morador da cidade e idealizador do projeto, conta que a ideia surgiu em 2017, por conta do calor excessivo que estava ocorrendo no local. “A população estava reclamando a respeito do clima quente e eu reparei que faltavam sombras e árvores. Então, inicialmente, o plano era apenas de arborização e depois mudou para algo maior, o paisagismo”.

Em maio de 2018, dez estudantes foram até o município, localizado a mais de 400 km da capital, Belo Horizonte, para analisar suas características urbanas. Ao retornar, os acadêmicos aplicaram os ensinamentos da sala de aula na prática do cotidiano da cidade. Participaram acadêmicos do curso diurno e noturno.

“Após coletar os dados na cidade, eles voltaram a faculdade e começaram o trabalho acadêmico interdisciplinar. Primeiro tiveram a fase de criação, depois explicamos que a cidade era pequena e precisávamos adequar os recursos dela para a realidade do projeto. Em seguida, começaram a finalizar o projeto”, comenta Patrícia.

Durante o processo de análise, os acadêmicos verificaram que outros projetos como saneamento, plano diretor e uso e ocupação do solo são necessários ao município para seu regular crescimento e expansão.

Em dezembro de 2018, o estudo foi apresentado na Unisanta com a presença da Secretaria de Turismo da Prefeitura de Gonçalves, Marilia Ribeiro de Souza Lima, membros da Reitoria, professores e alunos do curso de Arquitetura e convidados.

“Tudo o que a gente pontuou para eles, nossa realidade, as características que gostaríamos de preservar na cidade, e a conversa com os moradores, tudo foi acolhido, houve essa preocupação e carinho. Provavelmente, boa parte do projeto nós temos condições de implementar em curto prazo. Esse projeto vem ao encontro de tudo o que almejamos para a cidade. Vai deixar Gonçalves ainda mais bonita”, afirmou Marília.

As principais ruas que receberão as mudanças, segundo projetos de curto, médio e longo prazos, são: o portal da cidade, localizado na Av. Coronel João Vieira, que receberá arborização nas calçadas; a Rua Capitão Antônio Carlos, onde fica a Prefeitura, que ganhará um espaço para convivência, chamado parklet, além de demarcação para estacionamento de veículos e aumento de calçadas.

“Os parklets podem ser a extensão da calçada, eles demanda.  pouco espaço, uma ou duas vagas de veículo. É um espaço complementar, reservado para a área de lazer. Nós projetamos esse espaço para diversos usos: leituras, apenas para prosa, alimentação, espaço para pet, então vai de a cidade escolher qual será o uso que eles estão precisando”, comenta Jessica Gabriele da Silva, 3º ano do curso e participante dos estudos.

Para o professor Bei, demais cursos da Unisanta poderão aumentar o projeto, que visa a melhoria do município. “Vários cursos da universidade podem contribuir muito mais para a região, com seu corpo docente, técnico e as pesquisas acadêmicas, podendo-se criar outras novas parcerias”.

Apresentação do projeto, realizado pelos estudantes, para convidados em novembro/2018.